Grêmio já tem nova aposta na base para vingar no profissional


Fonte: gremioavalanche.net

Gabriel Silva entrou durante o jogo com o Cruzeiro e foi um dos melhores do Grêmio na mais recente rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Aos 19 anos, o meia é uma das alternativas de Roger Machado para mudar o time titular nos próximos jogos e ganha, cada vez mais, o status de nova aposta gremista. A fórmula para o clube chegar a ele foi a mesma usada para encontrar Luan e Matheus Henrique, destaques recentes na Arena.



A prospecção de talentos no interior de São Paulo é a chave da fórmula. Tal qual aconteceu com Luan, a observação presencial fez a diferença. Assim como foi com Matheus Henrique, Gabriel Silva assinou com o Grêmio depois de se destacar no São Caetano.

Segundo apurou o UOL Esporte, Gabriel Silva tem impressionado a comissão técnica gremista pelo desempenho nos treinos e personalidade. A avaliação do meia é que ele é capaz de agregar dinamismo e intensidade ao setor. Ou seja, pode fazer com que o meio-campo seja mais ofensivo, sem ficar desprotegido.

"No jogo com o União Frederiquense (Roger assistiu a partida no estádio, logo depois de ser contratado como treinador do time para 2022), tanto Bitello quanto Gabriel Silva foram chamados e entraram para fazer o jogo deles. O que mais me chamou atenção é que naquele contexto, mesmo muito pressionados por serem jovens, eles tiveram naturalidade para fazer o que eles sabem. Ali tive a certeza de que eles são jogadores que aguentariam emocionalmente o momento do clube. O Bitello, assim como o Gabriel, é meu sétimo homem. Ele tem força para botar o pé na bola defensivamente e ofensivamente", disse o treinador gremista.

O Grêmio tem trabalhado a parte física do jogador, que já ganhou massa muscular desde janeiro. Ainda com Vagner Mancini o talento do meia havia se destacado. Sob a batuta de Roger, porém, ele tem ganhado minutos.

Gabriel Silva começou a jogar futebol na várzea, em São Paulo. Os dribles viraram assunto e chegaram até olheiros. Os olheiros foram ver e confirmaram os relatos, então buscaram testes. Os avaliadores dispensaram os dias a mais e aprovaram o meia depois do primeiro treino. O Grêmio ouviu tudo e foi correndo atrás.

Luan fez um caminho parecido. O meia-atacante, atualmente no Corinthians, chegou ao Grêmio em 2014 depois de se destacar na Copa São Paulo de Futebol Júnior pelo América-SP. A diferença está na idade, em comparação com Gabriel Silva. O Rei da América de 2017, ano da conquista da Libertadores, chegou mais tarde a Porto Alegre.

A fórmula, porém, é apontada como a mesma. E ainda rende a volta de Matheus Henrique, que depois de uma primeira passagem pela base do Grêmio saiu e foi ao São Caetano. De lá, chamou atenção e voltou ao Rio Grande do Sul. O volante retornou em 2017, no ano seguinte se tornou reserva frequente e em 2019 virou titular da equipe. Ele atualmente está no Sassuolo, da Itália.

O Grêmio volta a campo contra o Ituano, na segunda-feira (16), pela sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Gabriel Silva pode ser uma das novidades no time de Roger.


2022, Grêmio, base, profissional, Gabriel Silva

VEJA TAMBÉM
- Não assistiu ao jogo? Leia aqui o resumo e ficha técnica da partida entre Ituano e Grêmio pela Série B
- Assista aos melhores momentos de Ituano 1x1 Grêmio
- Confira as notas dos jogadores do Grêmio no empate diante do Ituano





LEIA TAMBÉM: Diego Souza deve ser desfalque do Grêmio na estreia da Série B

E MAIS: Grêmio renova com duas promessas da base e promete oportunidades na Série B




Comentários



Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Leia também

16/5/2022




























15/5/2022









LOCAL ALTERADO - 15:30 (0)

Vila Nova x Grêmio tem novo local